Persuasão, alcance e personalização. Estas são três palavras que justificam o sucesso da transmissão ao vivo nas redes sociais. Atualmente, o fluxo de troca de informações nas redes sociais está pautado por imagens e vídeos.

Lives nas redes sociais não é mais uma opção, mas sim uma necessidade estratégica para empresas que querem posicionar-se de forma adequada no mercado cada vez mais competitivo.

Para perceber melhor de que forma a sua empresa poderá fazer transmissão ao vivo nas redes sociais, siga estas cinco dicas.

 

Confira a seguir as dicas para fazer transmissão ao vivo nas redes sociais

  1. Afinal, o que é uma live?

Em tradução simples, uma live é algo que acontece ao vivo – em tempo real. Ao contrário de transmissões em diferido, ou seja, gravadas, as que acontecem em tempo real não contemplam edições ou cortes.

Há pouco tempo, as transmissões de programas quer ao vivo, quer gravados eram da exclusividade de corporações televisivas. Hoje em dia, com os avanços tecnológicos e o surgimento das redes sociais esta situação alterou-se.

Com o aparecimento do YouTube, por exemplo, os usuários começaram a produzir seus próprios vídeos e, atualmente, há programas que só são veiculados neste gigante das mídias sociais. Como o próprio nome indica, é você quem manda no seu canal!

O mercado do audiovisual nas redes sociais está em franco crescimento e a tendência é não abrandar. As empresas já perceberam que estes canais são estratégias não só de marketing, mas de conhecimento privilegiado do seu público-alvo e da desejada fidelização.

O cenário já é conhecido e veio para ficar, mas ainda há dúvidas como se movimentar neste novo enquadramento e quais serão as melhores ferramentas.

  1. Tipos de plataformas digitais

Cada empresa tem o seu posicionamento e público-alvo. Para cada público é necessário identificar a estratégia mais adequada. A ideia chave é encontrar as plataformas digitais que melhor comunicarão a mensagem da sua empresa.

E os formatos das mensagens também estão em evolução. Alguns exemplos:

  • Demonstrações de produtos e serviços;
  • Tutoriais;
  • Bate-papos informais;
  • Vlogs

 

Se os conteúdos se diversificaram, as plataformas também e por isso é fundamental conhecer os objetivos e a melhor maneira de interagir com estas ferramentas.

 

  • YouTube

Uma das mais importantes plataformas de conteúdos digitais, o YouTube é uma das opções mais conhecidas quando o assunto é como fazer transmissão ao vivo nas redes sociais.

Como primeiro passo é necessário configurar o equipamento para a live streaming – outra denominação para transmissão ao vivo. O YouTube oferece opções diversificadas para a formatação do conteúdo e a alternativa mobile: “eventos” e “transmitir agora”.

A opção “Eventos” oferece uma série de funcionalidades como poder determinar:

  • Horário de início;
  • Múltiplos canais de stream;
  • Privacidade;
  • Testar o equipamento

Na plataforma de hospedagem de vídeo, siga as orientações disponíveis no “estúdio de criação”.

 

  • Facebook

Considerada a rede social mais usada a escala global, o Facebook é uma das opções mais consideradas para live streaming. Para transmitir ao vivo, é necessário clicar na opção “Vídeo ao vivo” e a seguir “Transmitir ao vivo”.

Na opção de “Vídeo ao vivo” é opcional a inserção de uma descrição. Os seguidores poderão acompanhar o conteúdo da live a seguir a contagem de três segundos.

A duração máxima de uma live é de quatro horas. Geralmente, mas o conteúdo poderá ser mais reduzido de acordo com o objetivo da transmissão.

Uma das maiores vantagens de optar pelo Facebook como plataforma para transmitir ao vivo nas redes sociais é o monitoramento e avaliação da reação dos usuários. Isso será possível pelo acesso a:

  • Compartilhamentos;
  • Comentários;
  • Alcance;
  • Reações

 

Estas informações são fundamentais para entregar conteúdos cada vez mais direcionados para a necessidade do cliente.

 

  • Instagram

Nesta plataforma, a transmissão ao vivo ficará disponível somente no período de 24 horas. A sua live tem a vida útil de um dia. Por isso, os conteúdos mais indicados para publicar nesta plataforma são:

  • Conversas informais;
  • Demonstração breve de produtos;
  • Formato Perguntas e Respostas

O máximo de duração de um conteúdo publicado nesta rede social é de uma hora. Fácil e rápido o procedimento para a publicação do conteúdo, com o aplicativo aberto, selecione a opção “Stories” no canto superior esquerdo da tela. Clique na opção “ao vivo”, na área esquerda da tela.

Na estratégia de live streaming, e conforme o objetivo da empresa e presença institucional nas redes sociais, a escolha das plataformas poderá ser única ou combinar várias plataformas.

Por exemplo, vídeos mais longos poderão ser publicados no Facebook e teasers convidando para visionar estes vídeos mais longos poderão ser postados no Instagram.

Ao delinear a estratégia de transmissão ao vivo nas redes sociais, é recomendável que a empresa tenha conhecimento de quais redes são mais acessadas pelo seu público-alvo.

  1. Pautas bem construídas

O conceito de marketing de “one shot”, ou seja, de um único tiro ou oportunidade migrou e se adequou de forma perfeita ao ambiente digital. Por isso, planejamento é fundamental.

Assim como a organização dos conteúdos por temas por sua relevância para o público que pretende atingir.

  1. Mobilize seu público

Um dos pontos fundamentais de uma bem-sucedida transmissão ao vivo nas redes sociais é transformar o seu público em audiência. Essa mudança é mais de do que uma troca de nomes. É uma aposta no engajamento.

A partir do momento em que a empresa já constituiu o famoso “corpus” de audiência, o processo de engajamento pelas redes sociais será mais facilitado e eficiente. A audiência precisa saber:

  • Quando;
  • A que horas;
  • Do que vamos falar;
  • Por quanto tempo

Como é ao vivo, as pessoas precisam de um tempo para se organizarem para acompanharem o que a empresa propõe.

 

  1. Live de qualidade 

Este ponto não quer dizer que as transmissões ao vivo nas redes sociais estejam limitadas a empresas de médio ou grande porte. Ao contrário. Mas há garantias que a audiência precisa ter como:

  • Iluminação adequada;
  • Ruído controlado;
  • Som audível

 

Atualmente, há no mercado empresas que facilitam esta aproximação das empresas ao universo digital.

A BI Filmes é uma delas. Credenciada e referenciada no mercado do audiovisual pela qualidade de seus conteúdos, poderá ser consultada pelo número +55 (11) 4506.3106, e-mail: contato@bifilmes.com.br e WhatsApp: (11) 9 841-61413.